Marketing Digital: tudo o que você precisa saber

Publicado por Rizer em

MARKETING DIGITAL PARA EMPREENDEDORES

Pessoas se ajudando para criar o Marketing Digital

Tendo seu início em meados dos anos 90 durante a “Revolução digital”, época em que a internet e o computador se tornaram mais acessíveis a todos, o marketing digital começou como uma extensão do marketing tradicional, só que no meio digital. Não havia interação entre marca e cliente, sendo a comunicação feita de forma unilateral, do mesmo jeito que acontece nos comerciais de tv, rádio e banners.

Quando a internet tornou-se popular, em meados dos anos 2000, o marketing digital começou a tomar a forma como o conhecemos e hoje já é considerado a promessa para o futuro, já que mudou totalmente a forma como marca e audiência interagem.

Atualmente é praticamente impossível pensar em marketing sem pensar em como fazê-lo de maneira digital, afinal a internet já faz parte do nosso cotidiano. É no ambiente digital que buscamos informações de todos os tipos, pesquisamos e fazemos compras. Por isso é tão importante que você esteja onde os consumidores estão: na internet.

O QUE É MARKETING DIGITAL?

Segundo o Wikipedia, Marketing Digital “são ações de comunicação que as empresas podem utilizar por meio da internet, da telefonia celular e outros meios digitais, para assim divulgar e comercializar seus produtos, conquistando novos clientes e melhorando a sua rede de relacionamentos. Ele engloba a prática de promover produtos ou serviços pela utilização de canais de distribuição eletrônicos, para então chegar aos consumidores rapidamente de forma relevante, personalizada e com mais eficiência.”

Ou seja, Marketing digital são todas as ações que fazemos na internet para atrair clientes e levá-los até a compra de algum produto ou serviço.

Pode ser desenvolvido por uma pessoa, por uma empresa, universidades, etc. Basta estar disposto a encontrar o seu nicho e falar diretamente para e com ele. Há espaço e oportunidades para todos.

O meio digital é onde a marca deve ser fortalecida e onde conseguiremos aumentar o nosso alcance. Mas é preciso saber quais são os melhores canais para atender a sua audiência.

Ainda há o fato de que é muito mais fácil e rápido saber quanto de retorno um investimento gerou, facilitando também as definições de métricas.

VANTAGENS DO MARKETING DIGITAL

Certeza que você já deve ter entendido que o Marketing Digital é muito importante para todos. Seja falando sobre o seu produto ou procurando informações sobre algum produto ou empresa, é o Marketing Digital que fará a ponte entre os dois lados.

Pois bem, vamos às vantagens:

  • Interatividade

Interatividade com o público é o segredo aqui. Agora o foco não é apenas o produto e sim a interação com a audiência durante sua jornada até a compra. É preciso transmitir uma mensagem e estabelecer o diálogo, gerando engajamento, o que vai fazer com que sua marca seja vista por mais pessoas, gere mais comentários, atraia mais clientes… 

Lembre-se que agora a sua marca está no mesmo lugar que os seus clientes. É preciso sempre saber a melhor maneira de falar com os seus consumidores, porque agora eles tem o poder de opinar e fazer indicação com apenas alguns cliques.

  • Segmentação

A grande sacada do Marketing Digital é falar diretamente com pessoas que estão verdadeiramente interessadas em seu produto ou que fazem parte do grupo que tem o perfil certo. Ao contrário do marketing tradicional que era veiculado para o maior número de pessoas que pudesse alcançar. As vezes elas nem mesmo estavam procurando por aquilo que viam em outdoors ou na tv.

Com as plataformas de análises de sites é possível saber faixa etária, localização, gênero e até mesmo as palavras-chave que a pessoa usou para chegar na sua marca. Então não tem mais desculpas pra falar com a pessoa errada.

  • Economia

Se você não precisa falar da sua marca para todo mundo, então você provavelmente vai gastar menos dinheiro fazendo campanhas direcionadas somente ao público certo.

Marketing offline como tv, jornal, revista, outdoor, são opções que costumam ser bastante caras. Anúncios em redes sociais, no entanto, além de não precisar de vários profissionais para fazer, possuem valor infinitamente menor para anúncios e, lembrando, são direcionados para o público certo. Tenha sempre estratégias bem traçadas e sólidas para alcançar o resultado esperado.

  • Análise

Ao contrário do que acontecia no marketing offline onde não era possível saber com precisão qual tinha sido o resultado de uma campanha de tv, por exemplo, com o marketing digital é possível acompanhar em tempo real os resultados que estão sendo obtidos. Assim, não é preciso mais gastar com mídias que não funcionam.

Com o marketing online as métricas são analisadas na hora e com mais precisão, possibilitando identificação de erros e pontos de melhoria.

8 ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL

Como o mundo digital vive em constante mudança, não existe uma só maneira de fazer Marketing Digital e as estratégias podem ser usadas ao mesmo tempo, caso ache pertinente para a sua empresa. O importante é sempre testar pra ver o que funciona melhor para manter o relacionamento com o público.

1 – INBOUND MARKETING

Também é conhecido como Marketing de Atração, pois é com ele que atraímos e despertamos o interesse do público pelo nosso conteúdo no site, nas redes sociais, no blog, etc.

O Inbound Marketing é onde as estratégias são traçadas baseadas nas dores e necessidades dos potenciais clientes.Você precisa saber do que ele precisa para então poder oferecer a solução que sua empresa tem.

Se isso é praticado com frequência, você cria uma audiência fiel, o que quer dizer que seus possíveis clientes sempre vão se lembrar do seu conteúdo e vão usá-lo como referência sobre aquele assunto.

2 – MARKETING DE CONTEÚDO

Dentro do Inbound Marketing está o Marketing de Conteúdo, uma das maneiras que você tem para atrair o público com conteúdo e informação relevante, que ajudarão sua audiência a solucionar as dores que possuem.

Mas pra que ele funcione da maneira que se deseja, é preciso saber exatamente quem é a sua persona, ou seja, você precisa saber quem é o seu cliente ideal. Conhecendo o perfil dessa pessoa, você vai saber exatamente como e o que falar para ajudá-la. E consequentemente vai gerar mais leads pra sua empresa.

Mas onde devo publicar o meu conteúdo?, você deve estar se perguntando. Ou você já tem uma idéia de onde seria, mas vamos lá:

  • Blog

Este é um espaço exclusivo da sua empresa. É a sua voz, sem interferência nenhuma. Você pode escolher quais assuntos abordar, quais dias falar, qual horário postar… Tanto faz. E, acredite, ter um blog com conteúdo relevante e com SEO bem estruturado pode fazer com que você fique bem colocado nos resultados de pesquisas. O que significa que vai ter mais gente visitando o seu site e assim gerar mais leads.

  • Sites

Se você acha que hoje em dia não é mais necessário ter um site para a sua empresa, saiba que você está enganado. Ter um site continua sendo muito importante, pois traz credibilidade ao seu negócio. Além do mais, é no site que você vai poder falar especificamente do seu produto (no blog você pode falar sobre assuntos relacionados ao seu setor, mas não necessariamente sobre o seu produto), e é nele que as pessoas irão para se certificar das informações que virem em outros canais da sua empresa. Fora o fato de ser no site onde são realizadas vendas, tem o SAC, atendimento, etc.

  • Redes Sociais

Talvez esse seja o melhor canal para interagir com o seu público e publicar material de qualidade. Afinal é nas redes sociais que as pessoas se sentem mais a vontade para procurar e seguir os conteúdos que lhes interessa, debatem, comentam, indicam… Mais de 88% da população no Brasil utiliza pelo menos 1 rede social e passa bastante tempo nela. Então sim, ter sua presença em uma ou mais redes sociais pode ser importante para a sua marca, já que você estará no mesmo lugar que a sua audiência.

  • Materiais Educativos

Aqui entram os e-books, infográficos, tutoriais, lives e webinars. Lugares onde você deve colocar conteúdo mais aprofundado sobre os assuntos e com mais riqueza de detalhes. E também são ótimos para conseguir gerar mais leads, já que a aquisição do conteúdo pode estar relacionada com deixar o e-mail antes para que possa ser enviado o material.

3 – VÍDEO MARKETING

Crescendo muito mais do que os anúncios na tv, o vídeo marketing é um grande aliado das empresas. Isso porque conteúdos visuais geram mais engajamento do um texto, por exemplo, já que são muito mais fáceis de ver e entender. Empresas de todos os tamanhos estão aptas a terem vídeos como estratégia de marketing e são diversas as formas que você pode usá-los para a sua empresa: apresentação, instrução, demonstração de uso, etc. A Rizer, por exemplo, usa um vídeo de apresentação no banner do site da empresa.

4 – E-MAIL MARKETING

Depois que você captar os leads, é hora de alimentá-los. No e-mail marketing você pode mandar e-mails para a sua lista de contatos informando sobre novos produtos, serviços oferecidos, eventuais dúvidas ou o que você achar pertinente para manter a comunicação entre empresa e cliente. Ainda hoje esse tipo de abordagem traz bons resultados podendo gerar até 50% de novos leads com intenção de fazer negócio.

5 – SEO

Se você tem conteúdo na internet, ele precisa ser encontrado e pra isso acontecer ele precisa estar entre os primeiros resultados da busca sobre o assunto. E é assim que o SEO funciona: ele te mostra como otimizar o seu conteúdo para que as plataformas de busca entendam que ele é relevante e deve aparecer nas primeiras opções de resultado. Se seu site estiver bem rankeado, o tráfego orgânico tende a crescer, diminuindo a necessidade de fazer anúncio pago.

6 – MÍDIA PAGA

A primeira opção sempre é conseguir tráfego orgânico, já que ele é grátis, mas também existe a possibilidade de promover seu conteúdo de forma paga. É possível fazer isso nas redes sociais, links patrocinados, promoção de conteúdo, etc. E costumam trazer um bom resultado, já que dá pra especificar o perfil do público que deve receber a campanha e, sendo pago, alcança muito mais gente do que o orgânico.

7 – MARKETING DE AFILIADOS

Aqui a tática é divulgar a sua marca ou produto no canal de outra pessoa, geralmente com audiência maior do que a sua, para atrair novas pessoas para o seu site. Pode ser por meio de parceria, onde cada um divulga o produto do outro ou pagando para que o seu conteúdo seja exibido.

8 – CRO

O objetivo da otimização de conversão é saber onde as conversões não estão tendo bom resultado, para que seja possível corrigir ou melhorar o que for necessário para atingir os resultados esperados. Afinal, todos os esforços em marketing são com a finalidade de fazer o cliente converter para a compra.

PLANO DE MARKETING DIGITAL

Agora que você já conhece as principais estratégias do Marketing Digital, chegou a hora de saber como usá-las. 

Como já vimos antes, é importante sempre sabermos onde queremos chegar, para que assim seja possível traçar o caminho para chegar até lá. Ter objetivos é essencial e há vários meios de alcançá-lo:

  1. Saber seus objetivos e metas

Como acabamos de falar, sempre tenha em mente qual é o seu objetivo com o marketing digital porque só assim você vai ser capaz de saber quais os próximos passos que deve seguir e saber se sua estratégia está ou não dando o resultado esperado.

  1. Escolher KPIs

Key Performance Indicators, são os responsáveis por medir se sua estratégia está ou não funcionando. Claro, você precisa verificar os indicadores que fazem sentido para o seu negócio e plano atual. Pode ser quantas pessoas visitaram o site, quantas clicaram em determinado botão, quantas deixaram e-mail no formulário, etc.

  1. Criar a persona

Crie sua persona ou várias delas, mas sempre saiba qual é o perfil do seu público para que seja mais fácil criar o conteúdo correto para atingir as pessoas certas. Saiba do que elas gostam, por onde passeiam, o que pesquisam na internet… Tudo isso é importante para montar a sua persona e ter leads qualificados.

FERRAMENTAS DE MARKETING DIGITAL

Há muitas ferramentas que ajudam na administração e acompanhamento do Marketing Digital, afinal, tem muita coisa que você não teria como saber sozinho. As ferramentas que indicarei agora podem ajudar muito nas tarefas do dia a dia, e no nosso artigo falando sobre Como ter resultado com Marketing Digital e suas automações tem mais algumas informações que podem facilitar o seu trabalho.

Algumas das ferramentas são:

  • Google Keyword Planner – Pesquisa de palavras-chave;
  • Google Analytics – Análise de métricas do seu site;
  • SimilarWeb – Análise da concorrência;
  • Canva – Vai te salvar se você não for bom com o Photoshop;
  • Estúdio de Criação do Facebook – Agendamento de publicações no Facebook e Instagram;

O Marketing Digital é uma forma de marketing muito ampla, que atende todos os tipos de negócio e pode trazer resultado mesmo quando não é possível fazer grandes investimentos em dinheiro. 

Tenha tempo para se dedicar a isso, planeje e acompanhe. Seguindo os passos que colocamos neste artigo você terá grandes chances de ter sucesso com o Marketing Digital da sua empresa!

É isso, gente!

Bons negócios para todos!


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *