Como calcular rentabilidade?

Como calcular a rentabilidade do seu negócio?

Como calcular rentabilidade?
Eita palavrinha falada, né? Rentabilidade é sinônimo de processos bem sucedidos e operações eficazes. Mas e aí? Você sabe calcular a rentabilidade do seu negócio? Neste artigo te ensinaremos a fórmula mágica da rentabilidade 🙂 Boa leitura!

O que é rentabilidade?

 

O termo rentabilidade refere-se a um conceito de economia que determina, através de cálculos, o nível de sucesso alcançado em operações das mais diversas, considerando as métricas de investimento e lucro, para compreensão.

Em outras palavras, rentabilidade diz respeito ao total de dinheiro que você lucrará após investir em algo.

Embora não seja uma regra, entende-se como percentual ideal de rentabilidade para pequenas e micro empresas, taxas entre 2 a 4%.

Também muito utilizado no mercado de investimentos, o fator rentabilidade geralmente é precedido de juros pré-fixados que permitem a compreensão do ganho futuro, se da decisão de investimento hoje – como por exemplo abrir uma poupança onde, a cada mês, o valor contido na mesma renderá 0,3%.

Existem duas formas de indicarmos a rentabilidade de um negócio/operação, sendo estas:

Rentabilidade bruta: que não considera os descontos inerentes à operação (como impostos, taxas operacionais, etc.)

Rentabilidade Líquida: que considera todos os possíveis descontos de uma operação (ou seja, demonstra exatamente o lucro)

 

Quais são os tipos de rentabilidade?

 

A rentabilidade é classificada em dois grupos distintos: rentabilidade nominal e rentabilidade real.

A rentabilidade nominal não considera em seu cálculo o fator inflação, sendo portanto uma forma fácil de calcular o percentual de ganho sobre o investimento, por determinado período.

Já a rentabilidade real, ao contrário da rentabilidade nominal, considera o fator inflação e provém o desconto relativo, para a compreensão da real rentabilidade da operação.

Ou seja, uma considera o fator inflação (e o subtrai da provisão de lucro), já a outra não.

A rentabilidade real é a que define o poder de compra, e defende que: se o percentual de rentabilidade for igual ou menor que o percentual de inflação, não há aumento no poder de compra. Exemplo:  um imóvel que teve seu preço valorizado em 3% em um ano cuja taxa de inflação foi de 3% não teve rentabilidade real.

É importante saber que “não haver rentabilidade real” não significa que um negócio/operação não foi rentável, e sim que o % de lucro não foi maior que o % de inflação do mesmo período.

 

Como calcular a rentabilidade de investimentos financeiros?

 

Ao falarmos em investimentos, os investimentos em rendas fixas são os únicos que informam qual o no percentual de crescimento o seu dinheiro terá.

Vale lembrar que para calcular a rentabilidade líquida de determinada operação é necessário, ao final, descontar todas as despesas inerentes.

Para o cálculo de rentabilidade de investimentos financeiros, são considerados três fatores: impostos, taxas e inflação do período. Logo, para calcular qual será a rentabilidade do seu investimento basta utilizar a seguinte fórmula:

Rentabilidade = Rendimento Líquido x 100 / Valor Investido

 

Como calcular a rentabilidade de uma empresa?

 

Já para descobrir se o seu negócio é rentável, basta dividir o total de lucro obtido em um determinado período pelo total de investimento inicial ou pelo valor atual do negócio. O resultado, como já sabido, é expresso em percentual e indicará a rentabilidade da operação, no período correspondente.

Para te ajudar a compreender, imagine que sua empresa pretende investir  mensalmente R$100.000,00 e obter o fluxo de caixa mensal de R$10.000,00, neste mesmo período. Assim sendo, a rentabilidade esperada para este período será de 10%:

R$10.000,00/ R$100.000,00 = 10% de rentabilidade

Vale lembrar que rentabilidade, lucratividade e retorno sobre investimento (ROI) são métricas distintas, ainda que triviais para a compreensão da saudabilidade do seu negócio!

 

Como automatizar o cálculo de rentabilidade?

 

É possível obter esta análise da rentabilidade de forma prática e concisa, através da inserção de campos de cálculos que gerem tal resultado automaticamente, em seu sistema de gestão.

Garantir a visibilidade deste importante KPI, já nas fases iniciais de planejamento estratégico é impreterível para a mensuração do desempenho futuro, assim como para a definição de metas.

Com a plataforma da Rizer você pode criar o seu próprio sistema de gestão e empregar o cálculo de rentabilidade aos módulos correspondentes. A nossa solução é online, fácil de usar e te permite o desenvolvimento de um sistema de gestão completo, rapidamente e sem grandes esforços – clique aqui para fazer um teste grátis de 7 dias.

Bons cálculos por aí e conte com a gente!

Dê um Rizer!

Deixe um comentário